Movéis planejados e ergonomia no ambiente corporativo: entenda essa relação

O sedentarismo no trabalho, ou seja, horas sentado ou sem se movimentar muito, pode trazer grandes prejuízos para a coluna vertebral, comprimindo seus discos e diminuindo a circulação. Da mesma forma, movimentos repetitivos com mouse e teclado também podem levar à complicações dolorosas.

Assim, com móveis planejados da maneira certa, que auxiliem na ergonomia, você pode criar um espaço de trabalho que será também adequado às suas necessidades de conforto nas costas e movimentação de forma geral.

No post de hoje trouxemos algumas informações sobre esse tema para que você possa entender como a ergonomia no ambiente de trabalho pode melhorar a segurança e, consequentemente, a produtividade. Acompanhe!

Por que a ergonomia é importante?

A ergonomia é um fator importante na manutenção da saúde. Ela fornece orientações sobre as formas de prevenção e tratamentos que promovem o bem-estar físico. Um projeto ergonômico adequado é necessário para evitar lesões por esforços repetitivos que possam se desenvolver ao longo do tempo e podem levar à incapacidade em longo prazo. Muitas pessoas não percebem que suas estações de trabalho são mal projetadas e que esses maus hábitos podem resultar em graves problemas de saúde.

Por exemplo, a mesa deve possuir altura entre 54 cm (para pessoas mais baixas) a 74 cm (para as mais altas). O punho precisa estar em uma posição neutra, sem dobrar, ombros e quadris alinhados e joelhos abaixo dos quadris. E isso só é possível com móveis bem adaptados às necessidades do usuário.

Como um ambiente ergonômico ajuda no trabalho?

Uma pesquisa realizada pelo Departamento de Estado do Trabalho e Indústrias de Washington avaliou 250 estudos de caso sobre os efeitos da ergonomia em várias situações. Eles descobriram que aplicar a ergonomia pode ter um impacto profundo sobre uma organização, incluindo os seguintes benefícios:

  1. Reduz os custos;
  2. Melhora a produtividade;
  3. Melhora a qualidade do trabalho realizado;
  4. Melhora o envolvimento dos funcionários com suas tarefas;
  5. Cria uma cultura de segurança.

Como as empresas estão se adaptando para uma melhor ergonomia?

Ao integrar novas tecnologias e apoiar um grande leque de estilos de trabalho, as organizações hoje enfrentam vários desafios para manter a saúde e o desempenho dos funcionários.

Com esses novos estilos de trabalho, as empresas estão reduzindo suas estruturas tradicionais e oferecendo uma maior diversidade de espaços para indivíduos e grupos de trabalho, proporcionando um ambiente mais seguro e ergonômico.

Uma revisão dos estudos recentes de ergonomia revela percepções surpreendentes sobre novos trabalhadores, novas tecnologias e novos elementos de mobiliário que se adequam a essas necessidades.

Como móveis planejados podem ajudar na ergonomia?

Investir em móveis é investir em pessoas, e evidências apontam que a boa ergonomia no local de trabalho é um fator importante na realização de um melhor desempenho pessoal e maior satisfação.

Com móveis planejados no ambiente corporativo, é possível integrar as disciplinas tradicionais de engenharia que estipulam alguns fatores para o corpo e a ergonomia cognitiva com uma gama mais ampla de questões, incluindo a colaboração, a aprendizagem, a produtividade do grupo e outras preocupações do local de trabalho interativo de hoje, melhorando o bem-estar e desempenho das pessoas.

Esperamos que post de hoje possa ajudá-lo com as questões ergonômicas, mostrando como um ambiente estruturado pode trazer grandes benefícios para sua empresa!

Quer ficar sempre por dentro de tudo o que acontece em nosso canal? Então não deixe de assinar nossa newsletter para receber nossos conteúdos em primeira mão!

Gostou? Compartilhe!